quinta-feira, 22 de outubro de 2009

V CICLO DE FORMAÇÃO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL


A Sala Verde Escola da Fazenda promove, dentro do Ciclo de Formação em Educação Ambiental, o Curso:

"Educação Ambiental escolar: um desafio à pedagogia"

Confira a programação.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

MOSTRA DE FILMES AMBIENTAIS




A Sala Verde UFSC juntamente com a Secretaria de Relações Institucionais e Internacionais (Sinter) trazem para a UFSC a Mostra de Filmes Planet.movie, no período de 19 a 23 de outrubro.


Serão realizados debates após os filmes, em dois dias da semana. Na segunda-feira, dia 19 de outubro, as 19:30 h, após o filme "O planeta" haverá o debate "Mudança climática, desastres naturais e legislação amabiental em Santa Catarina" e na quinta-feira, dia 22 de outubro, também as 19:30 h, após o filme "Entre a meia noite e o canto do galo", haverá o debate "Exploração dos recursos naturais e meio ambiente: o caso da fosfateira de Anitápolis".



quarta-feira, 2 de setembro de 2009

SALA VERDE VAI À ESTAÇÃO ECOLÓGICA DE CARIJÓS




Dando continuidade ao Projeto Atlas Ambiental, construído com a EBM Vitor Miguel de Souza, a Sala Verde UFSC realizou, no dia 26 de agosto de 2009, um estudo de campo com os alunos da turma 41, na Estação Ecológica de Carijós. Conhecemos o Manguezal do Rio Ratones, situado no Pontal da Daniela, à noroeste da Ilha de Santa Catarina.


sexta-feira, 17 de julho de 2009

Quilhas Ecológicas

Cerca de 50 a 70% do material utilizado na fabricação de pranchas de surf no Brasil é descartado. É o que afirma um artigo publicado no site AmbienteBrasil.

Como alternativa a esse problema, uma empresa de Florianópolis chamada H2O Brasil, reaproveita os resíduos de shapers e estaleiros para a fabricação de quilhas.

Confira o vídeo:

http://www.youtube.com/watch?v=IapFu8VuqYQ

A Sala Verde apoia atitudes como esta!

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Projeto Atlas Ambiental - EBM Vitor Miguel de Souza

A Sala Verde UFSC em parceria com a EBM Vitor Miguel de Souza, no bairro Itacorubi em Florianópolis, iniciou no mês de junho/2009, um projeto com a turma 41, 4ª série da manhã, chamado Projeto Atlas Ambiental.

Tem como objetivo, a construção do conhecimento sobre o epaço geográfico, através da confecção de um Atlas Sócio-Ambiental do entorno da escola, contemplando as localidades onde reside a maioria dos alunos da turma.

A proposta é de que a Educação Ambiental seja trabalhada como um tema transversal e tratada de forma interdiciplinar. Assim as atividades serão ações complementares às diferentes disciplinas pertencentes ao currículo dos educandos.

As ferramentas utilizadas serão: dinâmicas de grupo, blog, Google maps, mapas físicos , estudo de campo, oficina de caderninhos, desenhos e construção de textos.

Aguarde mais novidades!

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Bicicletas para economia e produção de energia

Você já pensou na quantidade de combustível que pode ser economizado trocando o carro pela bibicleta para pequenos trajetos?
Você já pensou que a bicicleta pode gerar energia limpa?

Confira o vídeo que estudantes do curso de Engenharia Ambiental da UFSC produziram a respeito e saiba um pouco mais:

http://youtube.com/watch?v=0UCIcVgl36Y

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Mostra Audiovisual nessa Sexta!

Hoje à tarde a Semana Verde UFSC projetará dois filmes seguidos de debate!

Um curta: Naturezas Mortas, 16min, que aborda o impacto da mineração na saúde do trabalhador.
E um longa: Dyckias - Tempos de Extinção, 53min, que documenta a Proteção Sócioambiental X Desenvolvimentismo.

Acontecerá no auditório da Biblioteca Central da UFSC (Elke Hering), das 14:30 às 17:30.

Os debatedores convidados, além de todos que quiserem comparecer, são o Ex-Deputado Mauro Passos e o Prof. João de Deus Medeiros do MMA. Com o tema central : Energia e Meio Ambiente em Santa Catarina.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Semana Verde UFSC - Quinta no NDI


Hoje pela manhã a Sala Verde e o NDI comemoraram a semana do meio ambiente com o lançamento da Feira de trocas do NDI. Foi um sucesso! Mas onde surgiu essa idéia da feira de trocas?


Essa idéia não é recente, surgiu na década de 90 na Argentina. Atualmente há cerca de 1500 sistemas semelhantes espalhados pelo mundo! Acontece em alguns países como: Canadá, Estados Unidos, Japão, Austrália, Nova Zelândia, Holanda, Bélgica, França, Espanha, Inglaterra, México, Colombia, Chile, Equador, Tailândia, Indonésia e Uruguai.

No Brasil estão em plena atividade em: São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Paraná e Santa Catarina. Aqui em Florianópolis temos a ECOSOL (contato: 3233 3482 ou 3232 4296).

A comunidade escolar além de trocar produtos e serviços pode trocar também experiências, conhecimento e carinho!

À tarde o Grupo de dança Afro da Escola Jurema Cavalazzi fez uma linda apresentação de dança angolana. As coordenadoras são a Kamylla de Oliveira e a Josiani Helena Bittencourt com orientação da professora Márcia Elisa Franco.

O grupo é composto por 18 dançarinas e 3 músicos.
O repertório escolhido foi: Orimá (letra em Iorubá), Negro Zumbi, É da nossa cor e Jurema vai!





sexta-feira, 29 de maio de 2009

Curtas para Curtir

Na terça-feira a Semana Verde UFSC haverá projeção de curtas metragens do acervo Sala Verde no auditório Elke Hering, na Biblioteca Central.

Confira a programação:

Terça-feira 02/06

Farra do boi- 25min
Ingleses (Projeto Aprendendo a Cuidar e projeto Larus)- 6min
Crer Sendo no Sertão- 13min
Outras praias- 09min

Venha depois de seu almoço curtir esses curtas conosco!
As sessões serão das 12h30 às 13h30.

quarta-feira, 27 de maio de 2009

Semana Verde UFSC

No período de 01 a 05 de junho a UFSC promoverá uma série de atividades em alusão a semana do meio ambiente.

A iniciativa é uma articulação do Departamento de Projetos de Extensão- DPE/PRPE/UFSC, da Sala Verde UFSC, do Núcleo de Desenvolvimento Infantil- NDI/CED, da Biblioteca Central, do Departamento de Jornalismo e do Laboratório de Abelhas - BEG/CCB.

A programação está recheada com Exposições, debates, mesa redonda, projeção de filmes, oficinas, vivências, intervenções artísticas e culturais!
Confira:

EXPOSIÇÃO:
Olhares em ExTensão – Exposição de Posters de Projetos de Extensão em Educação Ambiental da UFSC desenvolvidos no período de 2005 à 2008.
Local : Espaço de Eventos da Biblioteca Central- Piso superior da B.U.
Abertura: 01 de junho às 14:30 horas
Período : De 01 a 05 de junho no horário de funcionamento da Biblioteca

Re-conectando - Encontro de participantes de projetos de extensão em educação ambiental da UFSC.
Local: Biblioteca Central - Sala Harry Laus
Data: 01/05- Das 14h30 às 17h30
Objetivo: Troca de experiências, fortalecimento dos vínculos e planejamento de ações conjuntas.

MOSTRA AUDIOVISUAL:
Imagem Na Ação :
O uso do audiovisual na ação educativa com foco na Educação Ambiental
Projeção de filmes seguidos de debates
02, 03 e 05 de junho de 2009
Auditório Elke Hering da BU
Das 14h30 às 17h

Dia 02/06
Produções:
· Profetas da chuva e da esperança- 15 min
· Aqüífero Guarani – Gigante Desconhecido – 18 min
Produção Márcia Paraíso

· O Caminho dos Rios – Projeto a Escola faz o vídeo- 07 min
Produção: Projeto Larus

· Lá é mais difícil – 11 min –
Produção: Oficina Humano Mar (Integrante do Circuito Tela Verde)

· Sonho Possível – 4 min :
Produção: Flavio Vidigal/Sala Verde UFSC

Mesa Redonda: A produção audiovisual no processo de ensino/aprendizagem – estratégias e perspectivas
Integrantes: Prof. Leandro Belinaso Guimarães, Zeca Pires, Márcia Paraíso, Profa. Rosemy Nascimento

Dia 03/06
Produções:
· Audiovisuais elaborados por alunos do Curso de Jornalismo da UFSC, como atividade de conclusão do curso.
Coordenação: Profa. Aglair Bernardo

Dia 05/06
Produções:
· Naturezas Mortas. – Direção Penna Filho Duração: 16 min
· Dyckias – Tempo de Extinção –Dir. Jonas Edson Pinto e Iur Gómez Duração: 53 min
Debate: Energia e Meio Ambiente em Santa Catarina
Participantes: Ex-Deputado Mauro Passos, Prof. João de Deus Medeiros/MMA, Penna Filho e Iur Gómes


CURTAS PRA CURTIR:
Projeção de curtas metragens do acervo da Sala Verde UFSC
02 e 05 de junho- Das 12h30 às 13h30
Auditório Helke Hering


VIVENCIAS:
· Jardinagem Biodiversa
Data 02/06- Das 08h30 às 12h00
Local: Espaço João de Barro – área verde lateral da Sala Verde UFSC

· Flores do NDI
Data 05/06- Das 09h30 às 10h30
Local: Visita orientada ao projeto Jardim Comestível do NDI.-

· Sala Verde vai à Feira
...e leva seus parceiros para falar de polinização, plantas medicinais, arte e educação.
Data: 03/06- 08h30 às 12h00
Local : Praça da Cidadania, em frente a Reitoria junto a Feira de orgânicos

· Consumo Sustentável
Lançamento da Feira de Trocas do Núcleo de Desenvolvimento Infantil – NDI (Apenas comunidade escolar do NDI)
Data : 04/06- Das 11h00 às 12h30 e das 13h30 às 15h00
Local : NDI

ATIVIDADES ARTÍSTICAS:
· Abertura da Semana com Ciranda de alunos do NDI- Térreo da Reitoria
· Poesia e Meio Ambiente – Com Cesinha e convidados
· Contação de estórias- Grupo de contadores do NETI e outras surpresas....

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Curtas no ar

O Porta Curtas Petrobras é um projeto que traz curtas-metragens brasileiros para intenet.
O projeto cataloga curtas (quase 6 mil curtas catalogados com ficha técnica, foto, sinopse, roteiro, elenco, premiações e participações em festivais) e disponibiliza alguns para exibição online (700 curtas estão disponíveis para exibição online).
Nós, da Sala Verde UFSC, vamos acompanhar o projeto, assistindo aos videos e, indicando alguns voltados às questões socioamabientais.
Nossa primeira sugestão é o lançamento: "Vidas no Lixo". O filme mostra crianças e adolecentes que vivem do lixo das ruas. Vale para refletir sobre nosso papel na cosntrução desta sociedade.
Confira!

sexta-feira, 17 de abril de 2009

III Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente


Dos dias três a oito de abril aconteceu em Luziânia-GO a III Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente que envolveu mais de 11.000 escolas de todo o Brasil. Estavam presentes 608 delegados que apresentaram as Responsabilidades elaboradas em suas escolas.

Membros de Coletivos Jovens de todo país foram os facilitadores dos grupos de trabalhos e oficinas. Para isso, chegaram cinco dias antes dos delegados para receberem treinamento. Oito oficinas foram realizadas: Fanzine, Vídeo, Radio, TeatrAção Ambiental, Trilha da Vida, Publicidade e Comunidade Virtual.

Parte do material produzido foi socializado em uma atividade cultural que envolveu todos os participantes do evento. Os delegados receberam todo o material em um DVD para que possam divulgar em suas comunidades e levar adiante a idéia de que é possível que cada um deles participe positivamente da história do país colaborando e fomentando ações que podem ser feitas com baixo custo financeiro.

Ao final do evento a Carta de Responsabilidades, criada durante as atividades, foi lida no Teatro Nacional de Brasília e entregue ao Ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc.

segunda-feira, 23 de março de 2009

Lixo - O que você pode fazer?

Separar o lixo adequadamente para a coleta seletiva é muito importante para contribuir com quem trabalha com o material reciclável. Mas, antes disso vem o consumo consciente que nada mais é do que escolher o que você vai consumir.

E isso se faz com informação para saber a origem do produto, se usou mão de obra infantil, degradou a natureza, usa material não reciclável, faz testes em animais. Deve-se eliminar produtos que causam degradação da lista de compras para pressionar o fabricante a mudar sua política ambiental.

Segundo Aron Belinky, do Instituto Akatu, "o consumidor tem poder e deve usá-lo em benefício de uma sociedade mais sustentável. Ele parte da forma básica do cidadão consumidor para se tornar um consumidor cidadão”. No site do Instituto tem dicas para orientar o consumo cidadão.

A partir dese princípio, é importante se lembrar dos '3 Rs':
Reduzir o consumo
Reciclar o lixo
Reutilizar materiais

Você é um consumidor consciente? Faça o teste e descubra.




Este é o último post da série O Destino do Lixo. Para rever toda a série composta de 13 posts, clique aqui.

segunda-feira, 9 de março de 2009

Salas Verdes pela educação ambiental

O que é uma Sala Verde? É a primeira pergunta que as pessoas fazem quando se deparam com nosso trabalho. O que vocês fazem na Sala Verde? É a segunda. Podemos responder as duas de uma vez.

Sala Verde é um projeto desenvolvido, desde 2000, pelo Ministério do Meio Ambiente que proporciona instrumentos públicos para a educação ambiental em qualquer lugar do país. Isso é o que fazemos: educação ambiental. E a Sala Verde é um ótimo lugar para isso, pois uma vez criada dentro dos editais do MMA, ela passa a receber subsídios para atuar nessa área. Nesse link você pode acessar um slideshow que explica o projeto.

Existem no Brasil atualmente 360 Salas Verdes em todo o país, segundo o Ministério do Meio Ambiente. Em Santa Catarina são 13 projetos. A relação pode ser conferida neste link.


Mais informações no site do Ministério do Meio Ambiente.

segunda-feira, 2 de março de 2009

Conheça o Museu do Lixo

A quantidade de lixo que o mundo produz é um dos problemas ambientais que mais evidenciam a falta de cuidado que temos com nosso planeta. A Sala Verde UFSC trabalha em parceria com o Neiciclagem, coordenador do Museu do Lixo, que há cinco anos trabalha com educação ambiental no CTReS na Comcap, Bairro Itacorubi. No Museu do Lixo tudo se transforma em arte e educação ambiental.

Conheça um pouco do trabalho do Nei no vídeo abaixo, feito por estudantes de Jornalismo da UFSC, uma delas, monitora da Sala Verde.



Esse é o post 9 da série O destino do lixo. Acompanhe!

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Feira Agroecológica da UFSC

Durante as férias de verão, os feirantes de São Bonifácio (SC) mantiveram o fornecimento de alimentos de qualidade para a comunidade da Trindade e proximidades.

Expondo ao lado da Biblioteca Central (em frente ao Banco do Brasil), o contato com a comunidade dos bairros ficou facilitada. Isto compensou um pouco a queda das vendas provocada pelas férias da comunidade universitária.

Segundo os feirantes Reguinald e Márcia, não houve lucro, mas deu para manter as finanças em dia e ainda ganhar de 15 a 20 novos clientes da comunidade circunvizinha, que agora prometem freqüentar a feira durante todo o ano.

A partir do dia 04 de março a feira volta para frente da reitoria, todas as quartas-feiras, das 07:00 às 15:00 horas.

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

O destino do lixo - O que fazer com a matéria orgânica

Para a matéria orgânica - restos de alimentos, folhas secas, dejetos - há um destino mais adequado que os aterros e lixões: a transformação, seja pela compostagem ou pelo reúso. Pelo processo de compostagem, a matéria orgânica vira adubo.

Já o reuso é para destinar produtos como o óleo de cozinha, que pode virar produtos como biodiesel ou sabão. Veja alguns projetos de reciclagem orgânica:


Família Casca da UFSC > Compostagem em larga escala. [+]

Minhocasa > Uma forma caseira de compostagem [+]


Reóleo > Reciclagem do Óleo de Cozinha [+]


Banheiro Seco > Uma alternativa para os dejetos humanos [+]
Esse é o oitavo post da série O destino do lixo. Acompanhe!

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

O destino do lixo - Lixo Tóxico

Pilhas e baterias são os exemplos mais comuns de lixo tóxico.Se descartados no lixo comum esses materiais contaminam o solo a água com metais pesados como cádmio, mercúrio e chumbo, altamente prejudiciais ao meio ambiente e à saúde humana e animal.

Existem processos de reciclagem para pilhas e baterias, mas a maior parte dos produtos é descartada incorretamente no lixo comum ou destinada em aterros controlados.

A resolução 257/99 do CONAMA - Conselho Nacional do Meio Ambiente, prevê que pilhas e baterias usadas devem ser recolhidas pelo fabricante para destino adequado.

Esse é o sétimo post da série O destino do lixo. Acompanhe!

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

O destino do lixo - Pneus

No Brasil são produzidos cerca de 40 milhões de pneus por ano e quase metade é descartada de forma incorreta. Não há como determinar o tempo de decomposição do pneu na natureza.

Depois de reciclada a borracha do pneu tem várias utilidades: cobrir áreas de lazer e quadras esportivas, fabricar tapetes para automóveis; passadeiras; saltos e solados de sapatos; colas e adesivos; câmaras de ar; rodos domésticos; tiras para indústrias de estofados; buchas para eixos de caminhões e ônibus, entre outros produtos.

Esse é o sexto post da série O destino do lixo. Acompanhe!

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

O destino do lixo - Vidro

O vidro é um material que, quando reciclado, tem 100% de aproveitamento. Ele é feito de uma mistura de areia, barrilha, calcário, feldspato e aditivos. Esses aditivos são substâncias como óxido de ferro, cobalto, cromo e manganês que agregam qualidade e cor ao vidro.

Na fabricação do vidro a partir dos minérios, a temperatura de fusão fica entre 1500ºC e 1600ºC. Na reciclagem, a temperatura é de 1000ºC a 1200ºC, gerando economia de energia.

O Brasil só recicla 14,2% do vidro que consome, o restante tem tempo de decomposição indeterminado.

Esse é o quinto post da série O destino do lixo. Acompanhe!

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

O destino do lixo - Metais

Os metais são 100% recicláveis e tem um grande valor de mercado. Isso acontece porque reciclar metal é mais barato que extrair mais minérios para a fabricação.

Os metais mais valorizados na reciclagem são o alumínio, o cobre e o ouro. Uma tonelada de alumínio reciclado poupa cinco toneladas de bauxita, sua matéria prima e economiza 95% de energia no processo.

Cada tonelada de aço reciclado representa uma economia de 1.140 kg de minério de ferro - matéria prima -, 154 kg de carvão - energia - e 18 kg de cal. Além dessa economia, a reciclagem de metais também poupa água, diminui a poluição e degradação pela extração de minérios e gera renda.

Esse é o quarto post da série O destino do lixo. Acompanhe!

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

O destino do lixo - Plástico

Existem muitos tipos de plástico no mercado. Nem todos são recicláveis ou tem valor de mercado que justifique a reciclagem. Sacos e copos descartáveis, por exemplo, tem baixo valor de reciclagem e acabam sendo descartados de forma inadequada. Já o isopor é um material plástico reciclável.

O plástico quando jogado em local inadequado ocasiona muitos problemas ambientais. Como a morte de animais marinhos por sufocamento e a impermeabilização do solo onde é jogado.

As garrafas PET tem um dos plásticos mais reciclados em todo o mundo devido a sua extensa gama de aplicações: fibras têxteis, tapetes, carpetes, não-tecidos, embalagens, filmes, fitas, cordas. Estima-se que uma garrafa PET demore mais de 500 anos para se decompor.

Esse é o terceiro post da série O destino do lixo. Acompanhe!

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

O destino do lixo - papel

Papel é um material de fácil reciclagem. São 25 tipos só de papel maleável. Também tem os papéis duros como o papelão de vários tipos. Eles passam por um processo que vai desmanchá-los para que se faça a polpa que vai virar papel.

Para cada tonelada de papel que se recicla quarenta árvores deixam de ser derrubadas. Um papel que não é reciclado leva de três a seis meses para se decompor.

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

O que é lixo?

A idéia de que lixo é tudo o que é rejeitado e descartado está mudando. Há uma crescente consciência de que todo tipo de material pode ser reciclado e reutilizado retornando ao seu ciclo produtivo. Reciclar economiza energia, poupa recursos naturais e gera renda.

Isso porque o lixo não desaparece quando vai para os aterros e lixões. Há pesquisas que mostram que o lixo dos aterros demora o dobro de tempo para se decompor devido às condições de solo impermeável e gases acumulados.

Portanto, o tempo de decomposição do lixo é variável - os números são apenas estimativas - e depende do ambiente onde ele está.


Esse é o primeiro post da nova série do blog Sala Verde: O destino do lixo. Acompanhe o caminho do lixo no nosso blog.

domingo, 11 de janeiro de 2009

O que é sustentabilidade?

Sustentabilidade é uma palavrinha fácil de se encontrar por aí, mas você sabe o que é? O vídeo abaixo foi feito numa iniciativa de integração de uma disciplina optativa do curso de Jornalismo da UFSC com o conhecimento adquirido para a série sustentabilidade [+] feita nesse blog. Ele mostra na prática o que é um mundo sustentável.


Reprodução liberada para fins educativos.